Meus Discos e Livros e Tudo o Mais!: A Leitura e Eu

16 de agosto de 2010

A Leitura e Eu

Aprendi a ler com 4 anos de idade. Era apaixonada por gibis, ficava olhando as gravuras e inventando a minha própria história, baseada nelas, até que um dia minha mãe percebeu que o que eu contava era exatamente o que estava escrito. Desde então nunca parei. Dos gibis passei para os livros infantis clássicos. Mas eu queria mais. Quando tinha pouco mais de 10 anos fiquei encantada com uma coleção de livros do Sherlock Holmes que encontrei na casa do meu avô (que eu gostaria muito de saber onde foi parar).

Mais tarde descobri os livros do Pedro Bandeira e os da Coleção Vaga-Lume e li o máximo que pude. Sempre fui aquela que ficava amiga das tias da biblioteca e estava sempre por lá, curiosa com tudo. Me aventurei pelos clássicos, perdida em um Sonho de Uma Noite de Verão, em busca da Felicidade Clandestina. Comecei a me apaixonar por personagens, implicar com outros (afinal que raio de personagens eram aquela Capitu, com seus olhos de ressaca e o tapado do Bentinho?) e me rebelei contra a literatura certinha quando descobri Stephen King e sua Carrie.

Então passei por um hiato nas minhas leituras. Durante os 5 anos de faculdade, e mais quase 2 anos depois, apesar de ainda ler muito, não li nada que não fosse acadêmico. A leitura tomou moldes de trabalho.

Mas chegou um ponto em que a falta de leitura apenas pelo prazer de ler foi insuportável, e eu novamente mergulhei no maravilhoso mundo dos livros. Saramago e sua falta de pontuação, Marian Keyes e seu jeito divertido de falar de coisa séria, as verdades disfarçadas do Mario Prata, as cativantes personagens da Sophie Kinsella, os intrigantes enredos do Dan Brown, os variados tipos de vampiros e outros seres fantásticos.

E eu me envolvo. Converso com personagens, apoio, brigo (isso até mesmo com os livros acadêmicos. Perdi a conta das vezes que briguei com um livro por não concordar com o pensamento defendido). Acho que não vale a pena virar a primeira página de nenhum livro se não se está disposto a se deixar envolver.

Quando descobri os blogs literários, esse bando de gente tão apaixonado por livro quanto eu, não me senti mais sozinha. Achei pessoas com quem conversar e discutir apaixonadamente sobre livros, quando antes, tinha que ir à casa de uma amiga, pra conversar com a mãe dela, professora de literatura aposentada e leitora inveterada (apaixonada pelo vampiro Edward), a quem ainda encontro sempre disposta a conversar, desde que eu não mencione minha implicância com os pra ela intocáveis personagens do Dom Casmurro. rss

A criação do meu próprio blog foi, pra mim, uma evolução natural dessa necessidade de expôr minhas impressões, e fico muito feliz com cada pessoa que me visita, e que também divide seus pensamentos comigo.

Enfim, só queria partilhar um pouco com vocês todos esses sentimentos e essa parte importante da minha vida, sabendo que quem é tão apaixonado por isso tudo como eu vai entender.

E termino o post com uma confissão: eu SEMPRE leio a última frase do livro antes mesmo de ler a primeira. ;D




***

11 comentários:

Nathália Neves disse...

Jura que você faz isso?! Achava que eu era a única maluca! rsrs Não diria que sempre, mas muiiitas vezes eu leio a última frase do livro antes de começar a leitura! =P

Adorei o post... Também passei por fases parecidas com as suas e uma época sem ler, mas a melhor coisa que aconteceu foi voltar com o vício e descobrir os blogs literários!

Beijinhos

redomadecristal.com.br disse...

Ler é um dos maiores prazeres da vida.
Comecei a ler muito cedo e tenho ensinado isso aos meus filhos.

Faz muito bem!

Beijos.

Giu Fernandes disse...

Verrrdade q vc lê a última frase do livro antes?! hahahahaa, eu fazia isso.. mas faz um tempo que eu parei!!! xD
Adoreii o post q vc escreveu, é mto parecido cmg (só q antes dos blogs eu não tinha ngm pra conversar sobre livros.. xD)
Um beijo!

Cacá Sampaio disse...

Nathália,
Fiz a confissão tb achando que era a única... rss E tb acho que a melhor coisa que fiz foi reacender meu vício!


Bianca,
Concordo totalmente. Ler faz muito bem. E ensine mesmo seus filhos. Agradeço sempre à minha mãe por ter feito isso!


Giu,
É, eu leio a última frase dos livros, mas só a última, pra não estragar a surpresa..hehe
Que bom que gostou desse meu post 'desabafo' rss

Renata G. de Souza disse...

Amei seu blog *----* Lindo demais!
E esse texto, você escreve muitooo bem!! *o*
"SEMPRE leio a última frase do livro antes mesmo de ler a primeira" = sempre faço isso XD
Não importa que livro seja, eu sempre vou lá para o final e leio, se vai ser triste ou feliz =P Muitos implicam comigo por isso, dizem que vai estragar o final XD nem me importo!
Já estou te seguindo!
se puder visitar e seguir meu blog: http://leiturasdokokoro.blogspot.com/
Bjuss =*

Cacá Sampaio disse...

Obrigada Renata!
Com este post estou descubrindo q tem mais gente q lê última frase de livro, não sou só eu... \o/\o/ rss
Vou visitar seu blog sim, pode deixar!

A Bookaholic World disse...

Nossa Cacá, que post lindo! Assim como você eu comecei com os gibis e adoro até hoje; Pedro Bandeira é meu escritor preferido, mas não li todos da Coleção Vagalume... eu sou apaixonada mesmo pela coleção Os Karas, conhece? É muito bom!
Adoro Shakespeare, mas ainda não li nenhum livro do Stephen King.. vejo muitas pessoas falar dele e de seus livros, tô achando que vou procurar pra ler, pq obviamente, estou perdendo uma grande leitura. haha
Adorei seu post, adorei meesmo! Super bonito, uma dedicação em cheio a leitura e uma ótima dica pra quem ainda não leu alguns dos autores citados.
P.S.: Prefiro o Jacob! hahaha
Beijos, Gabi

Cacá Sampaio disse...

Oie Gabi,
Puxa, q bom q gostou!!
Claro q conheço Os Karas, adoro!!
E se vc gosta de livros de suspense e terror, deve mesmo procurar o Stephen King. O cara é gênio...
E obrigada novamente pelo comentário!!

Nanda disse...

Ei Caca,

Adorei sua história de leitora, eu tbm leio desde pequena e sempre fui apaixonada, devorava série vaga-lume, pedro bandeira, monteiro lobato aiai

Sério q vc faz isso? Eu não faço de jeito nenhum rs, eu pego tudo na ordem, leio capa, contra capa, orelha, prefácio, tudooo e ai começo certinho rs

beijo

Cíntia Mara disse...

Minha história com os livros tem alguns pontos em comum com a sua. Especialmente a parte de ficar um tempo sem ler, aconteceu o mesmo comigo quando comecei a fazer curso técnico e médio ao mesmo tempo (18 matérias por semestre).

Também me envolvo com os personagens, principalmente em séries. Falo deles como se fossem meus amigos e ai de quem disser o contrário, rs.

Nunca consegui passar da primeira página de Dom Casmurro. Acho chatérrimo, rsrs.

Bjs

Cacá Sampaio disse...

Nanda,
Que bom que gostou!
Então, entre a capa, a contra-capa e o prefácio, leio tb a última frase... rss


Cíntia,
Nossa, 18 matérias? Sem tempo pra fazer mais nada mesmo! o_O
É exatamente esse meu sentimento, os personagens se tornam meus amigos. E qto ao Dom Casmurro, eu tenho implicância com os personagens! rs