Meus Discos e Livros e Tudo o Mais!: Primeiras Linhas #5

30 de agosto de 2011

Primeiras Linhas #5

Essa é uma coluna em que eu trago as primeiras linhas, as primeiras frases de um livro qualquer.
Escolhi dessa vez um livro de um dos meus gêneros preferidos, o chick-lit, e na verdade foi um dos primeiros desse gênero que eu li, quando ainda estava descobrindo-o. O divertido 'Procurava um marido encontrei um cachorro' da Karen Templeton.



“De início, quero apenas registrar que não me apaixonei por Greg Munson por ele ser bem-sucedido ou bonito (se bem que não me importava nem um pouco com os olhares invejosos do tipo “Como ela conseguiu ele?” sempre que saíamos) e nem para irritar minha mãe. E, juro, o fato de ele ser o filho de um congressista republicano foi mero acaso.
Não. Eu me apaixonei porque ele me deu todas as indicações de ser uma pessoa normal. E, como as chances de se encontrar uma criatura assim nesta cidade são de aproximadamente uma em um quatrilhão, quando ele me pediu em casamento eu me joguei em cima dele. Talvez não me orgulhe disso, mas, convenhamos, estamos falando da sobrevivência da espécie.
E não tenho dúvidas de que poderíamos ter uma vida muito legal juntos, se ele tivesse tido a decência de aparecer no casamento.
Agora, convenhamos, só se passaram duas horas desde que enfiei 22 metros de tule dentro de um táxi e saí do hotel com o meu ego arrasado de volta para o meu apartamento; portanto, não é como se eu tivesse tido muito tempo para entender o que aconteceu. Não que eu tenha tal pretensão.”


***

4 comentários:

Lu disse...

ei Cacá
ainda não li esse livro, mas estou interessada em ler. ^^
As primeiras linhas são interessantes. ^^
beijos.

Nanda disse...

Ei Cacá,

Ah que fofo, não conhecia e adoro livros sobre cachorros ^^

bjos
Nanda

Niii disse...

huahuaha
adoro o título desse livro! haha

bjs

Cacá SS disse...

Lu,
Lê sim, é um daqueles chick-lits leves e despretensiosos que precisamos de vez em quando, rss


Nanda,
Não é bem sobre cachororros, mas a protagonista encontra um cachorro muito do fofo (mas confesso que preferia achar o policial bonitão que ela tb encontra =X) hahaha


Niii,
Não é o máximo?! Adoro também.


Beijos